FacebookTwitterEmailWhatsAppLinkedIn

POSICIONAMENTO E REPOSICIONAMENTO DE MARCA

Os conceitos de reposicionamento e posicionamento de marca são muito utilizados no universo do Branding. Eles servem para padronizar a imagem da empresa perante os clientes.

É claro que a percepção do consumidor é algo muito particular e variável, mas essas técnicas visam a promover uma padronização de forma estratégica, a fim de melhorar a colocação no mercado competitivo.

Se você deseja entender melhor sobre posicionamento e reposicionamento de marca — como são feitos e qual é a importância —, continue lendo o post que preparamos para você!

Posicionamento de marca

Basicamente, é a forma como os potenciais compradores veem a marca e percebem o seu diferencial diante da concorrência.

Essa técnica se baseia em 3 pilares:

  1. Estratégia.
  2. Atitude.
  3. Imagem.

O primeiro corresponde ao planejamento, o momento de moldar a personalidade da marca e a forma de suas mensagens. Depois, é momento de implementá-la. Nesse ponto, é importante que as atitudes sejam coerentes com os valores e as mensagens propagadas para construir nos diversos públicos a identidade ideal da marca.

Quando estratégia e atitude são claras e coerentes, o resultado da imagem da marca percebida tende a refletir sua boa reputação junto ao público consumidor — gerando credibilidade.

Um posicionamento de marca bem-sucedido é aquele que o público entende a mensagem, aprova as atitudes e hierarquiza a marca no topo de sua lista de preferências, acima das outras.

Como e quando fazer

O posicionamento de marca deve ser feito após a segmentação do público-alvo, quando há entendimento sobre como o mercado consumidor se comporta. Além disso, é preciso conhecer bem a concorrência, a fim de que sua marca possa se diferenciar.

Outro ponto importante é definir as associações ideais que devem vir à mente dos consumidores ao pensarem no seu negócio. Uma dica é fazer uma análise SWOT, que ajudará a identificar os pontos fracos e fortes da organização e, assim, explorá-los da melhor forma.

Depois de todas essas etapas, é hora de planejar o posicionamento de marca e as estratégias de comunicação.

Qual a sua importância?

Um bom posicionamento de marca é essencial para uma marketing bem-sucedido. Quando ele não existe ou não é bem-feito, a comunicação da empresa pode ser confusa, contraditória ou até mesmo prejudicial. As ações de comunicação devem estar alinhadas ao posicionamento da marca para que atinjam o público certo da maneira correta, gerando valor aos clientes. Dessa forma, os produtos e serviços oferecidos traduzirão exatamente os desejos do consumidor e você se mostrará diferente de toda a concorrência.

Reposicionamento de marca

Corresponde à mudança de identidade dessa marca, produto ou empresa. Algumas vezes, o mercado ou a organização passam por situações que abrem espaço para a mudança do posicionamento de marca. Resumindo, é renovar a imagem que os consumidores têm da empresa.

Como e quando fazer?

O reposicionamento de marca pode ser motivado por, basicamente, 3 fatores principais:

  1. mudanças negativas na lucratividade da empresa;
  2. alterações internas — como a de público-alvo ou de mix de produtos;
  3. novas tendências do mercado.

Para realizá-lo, é necessário conhecer muito bem o posicionamento atual da marca e o motivo para a utilização dessa ferramenta. Assim, é mais fácil decidir qual caminho a marca seguirá, mas lembre-se de que sua identidade deve estar totalmente alinhada à sua ideologia.

O próximo passo é transmitir essa mudança por meio de campanhas de marketing. Também é preciso provar que a empresa realmente está diferente — o que vai além das campanhas. Por fim, escute as críticas do mercado e monitore a reação dos consumidores para se adaptar ao que for preciso.

Qual a sua importância?

Essa técnica tem o poder de revigorar a imagem de uma marca, renovando sua identidade aos olhos do consumidor. Dependendo do que a motivou, é possível corrigir falhas, se adaptar melhor ao mercado e alinhar ainda mais seu posicionamento e sua cultura organizacional.

Contudo, é preciso tomar cuidado para não renovar tanto a ponto de perder a tradição e as referências da marca, uma vez que isso pode afetar relações de fidelidade com clientes.

E você, possui alguma experiência com reposicionamento e posicionamento de marca? Então deixe o seu comentário neste post!

Heading content publicação anterior

PRÓXIMA PUBLICAÇÃO >

Heading content publicação posterior

A Brand valoriza seu tempo

Por isso só publicamos conteúdo inteligente que pode ajudar nossos leitores. Você vai gostar das nossas publicações. Então curta, compartilhe e assine nosso Blog. É totalmente free.